Categorias
Sem categoria

Lance condicional

O lance condicional é uma ferramenta de negociação que permite uma condição vantajosa para o comitente. Vamos abordar esse tema a seguir.

Valor mínimo e lance condicional

Em um uma negociação de ativos, o comitente (vendedor) determina o valor mínimo de sua mercadoria e o arremate acontece quando o comprador dá o maior lance dentre os demais. O lance condicional acontece no momento da negociação, onde a intermediadora do ativo entra em contato com o comitente para saber se é possível alterar o valor, de acordo com a proposta feita pelo comprador.

Essa tratativa requer uma resposta rápida do comitente e um tempo maior de avaliação por parte do comprador.

Etapas

O lance condicional pode ter de três à cinco etapas:

– Lance do comprador;

– Empresa que gerencia o ativo repassa a informação para o comitente;

– Comitente aceita, recusa ou envia contra proposta;

– Comprador aceita ou recusa a contra proposta;

– Em caso de aceite de ambas as partes, a venda é finalizada.

Devemos lembrar que não é possível desistir dessa modalidade durante 3 dias após a realização do lance. Se o vendedor não enviar uma nova proposta, o participante estará liberando o lance.

Essa ferramenta de negociação é bem mais flexível comparado aos eventos tradicionais. Com essa flexibilidade, o comitente consegue repassar, de forma sustentável, seus ativos para outras pessoas de forma mais rápida.

Vantagens

A GDA Leiloar é uma empresa de gestão e intermediação de ativos, reconhecida pelo seu atendimento personalizado.

A equipe comercial intermedia diversos itens, focando na sustentabilidade dessa destinação. Toda a negociação é feita de forma online, em uma plataforma segura e intuitiva. A equipe está apta a ajudar na precificação da negociação de forma em que o vendedor e o comprador consigam fazer um bom negócio.

Para saber mais, inscreva-se em nossa newsletter e entre em contato hoje mesmo para falar com um de nossos representantes.

Categorias
Sem categoria

A importância da avaliação antes de arrematar

Quando se trata de leilões, os preços de equipamentos, imóveis, veículos ou materiais diversos podem parecer atrativos algumas vezes. Mas, será que o preço é justo? Nessa publicação, vamos entender a importância da avaliação antes de arrematar um leilão.

Comprador e investidor

Primeiramente, é preciso entender o seu objetivo com o leilão. O comprador é a pessoa que vai realizar o arremate e utilizar para si o que foi comprado. Já o investidor deve arrematar o leilão para revender os itens posteriormente.

Isso irá impactar no valor da avaliação pois é preciso pensar na margem de lucro que o investidor pode ter na revenda (spread) e sua liquidez (tempo de venda). Já o comprador, não precisa se preocupar com essas questões.

O leilão

Compradores e investidores devem procurar empresas sérias para não ter problemas na hora do arremate. Alguns pontos devem ser levados em consideração no momento de escolher a empresa que gerencia a compra e venda desses ativos:

– Transparência de informações técnicas dos itens;

– Facilidade na burocracia;

– Lances competitivos;

– Fotos realistas.

A GDA Leiloar

A GDA Leiloar é uma empresa de gerenciamento de compra e vendas de ativos com excelência no mercado de leilões no Brasil.

A equipe comercial prepara os leilões de diversos itens, focando na sustentabilidade dessa destinação. Todos os leilões são feitos de forma online, em uma plataforma segura e intuitiva. A equipe está apta a ajudar na precificação do leilão de forma em que o vendedor e o comprador – ou investidor – consigam fazer um bom negócio.

Para saber mais, inscreva-se em nossa newsletter e entre em contato hoje mesmo para falar com um de nossos representantes.

Categorias
Sem categoria

Postagem teste

testando postagem